1 de julho de 2017

O peido salvador

Estava salvador de peido feito
Apontando o cu à assistência
E batendo notas soltas no piano
Quando se lhe apertou a tripa e não houve jeito
De conter a flatulência
Nem com a ajuda do amigo mais bacano.

No dia seguinte o peido era instituição nacional
Peidou-se o autarca e o deputado
O tema foi assunto para crónica de jornal
Foi épico poema declamado
Ponto para a agenda presidencial.

E por pouco
O sopro quase ateava o fogo no pinhal,
O diabo seja cego surdo e mouco!


0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial