27 de setembro de 2013

Eleições autárquicas


Até agora não escrevi uma linha sobre as eleições autárquicas do próximo dia 29. E estas serão as únicas, cada vez me falta mais pachorra para a palhaçada e vontade para falar sobre aquilo em que não acredito. E, definitivamente, não acredito mais nesta ditadura travestida de democracia, em que os mais surrealistas disparates se divulgam a uma velocidade quase ultrassónica.


As urnas, parece, abrirão às primeiras horas da manhã do próximo domingo. Pois, coisa estranha, já ontem fulano tinha perdido a Câmara de Sintra, sicrano tinha perdido a Câmara de Vila Nova de Gaia, beltrano podia ganhar a Câmara do Porto e outro gajo qualquer ganhava a Câmara de Lisboa com maioria absoluta e, pela força do voto em eleições consideradas livres e justas, transformava-se num pequeno ditador, do Cais das Colunas ao Parque de Monsanto, durante quatro anos.

A dita comunicação social, com relevo para as televisões que, recorde-se, tanto vendem cavacos como detergentes para a loiça, pouparam-nos a retina e os tímpanos por discordarem de ser obrigadas por lei a reservar tratamento idêntico a todas as listas de candidatos. Não é que ponham em causa o tratamento igualitário, que tanto e sempre defenderam. Apenas entendem, a bem do negócio e de outros interesses, que uns são claramente mais iguais do que outros. E, assim sendo, assim devem ser tratados. Dizem eles!

Um senhor de aspecto respeitável, pela idade e pelo fato de bom corte, certamente morador num qualquer portal descoberto da Quinta da Marinha, referia mesmo que a obrigação era um atentado frontal à liberdade de imprensa. Da imprensa dele, claro está! E imprensa não lhe falta...

Para já, pessoalmente, sou eleitor recenseado na freguesia do Bonfim, da cidade do Porto, por força de aqui residir há uns anitos. E devo dizer que as sondagens divulgadas ontem não têm nada a ver com a minha. Nem fulano ganha por poucos, nem sicrano perde por muitos, nem sicrano fica a uma unha negra de servir a cidade e recuperar o Mercado do Bolhão e todo o centro histórico!


0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial